Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



O "caso Dionísio Marques", que vai provocar aos cofres da Câmara um rombo superior a meio milhão de euros, deu azo a mais uma investigação da Polícia Judiciária.

 

A ex-presidente Júlia Paula foi investigada pela PJ, pelo menos, pela eventual prática de crime de desobediência, e já foi mesmo constituída arguida. É que o não acatamento da condenação do Supremo Tribunal de Justiça, em 2012, além de agravar o prejuízo para o Município, constitui crime. Na última Assembleia Municipal, a agora deputada do PSD não resistiu e, reagindo a uma intervenção do deputado socialista Rui Lages, acabou por revelar isso mesmo.

 

xtdio.jpg

 

O não cumprimento, pelo Executivo de Júlia Paula, dos termos do contrato de arrendamento do prédio localizado entre a Rua Direita e a Rua do Hospital (antigo restaurante Caminhense), propriedade do advogado Dionísio Marques, acabou por se tornar no pior pesadelo do novo Executivo presidido por Miguel Alves. As rendas e juros acumulados desde 2005 já rondam os 400 mil euros e o custo das obras a que o Tribunal também condenou o Município deverão ir muito além dos 100 mil euros.

 

Mas, além de não cumprir o contrato de arrendamento, Júlia Paula também não cumpriu o acórdão do Supremo Tribunal de Justiça, exarado em Novembro de 2012. Este segundo incumprimento, além de agravar toda a situação constitui crime.

 

O C@2000 já tinha conhecimento desta investigação da Polícia Judiciária de Braga, mas ainda não tinha a confirmação acerca da constituição de Júlia Paula como arguida, faltando-nos ainda apurar alguns pormenores junto do actual Executivo, também ele já contactado pela Judiciária e instado a pronunciar-se e a fornecer documentação existente na Câmara Municipal sobre o assunto.

 

Noticia do caminha2000

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:07


27 comentários

De Almerinda a 07.01.2015 às 10:16

Com tanta especulação sobre arguidos e processos em tribunal. Alguém me sabe dizer algo sobre os concursos com prognósticos? Ando curiosa. Gostava de ver algumas pessoas sentadas no banco dos réus e a serem colocadas no seu devido lugar tais como Paula Dias e Marcos Christi, este último já o arrumaram para a Ancorensis, mas aí a amiga Celeste não o pode safar. Porque antes de lhe dar tacho tem que pagar as dívidas aos funcionários. Era bom que o Almeidinha que tem a mainia de saber tido o que se passa na justiça nadar tão calado. Será que já o silenciaram??

De Lopes a 08.01.2015 às 20:49

temos de ter alguma paciência. Os processos são muitos e a PJja pediu reforços. Mas só o Christi e arguido em três processos. A Paulinha foi depor à Braga para se esconder e e arguida. Breve devem sair as primeiras acusações, talvez a começar pelos casos da campanha eleitoral. O tio da Liliana deve ser o primeiro a sentar-se no banco dos réus.
A Julia Paula anda em depressão. A comprimidos e até emagreceu embora continue um saco de batatas.
Enfim há que esperar e quanto mais demorar pior pro PSD.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Dezembro 2014

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031



Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D