Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Mais uma “obra de Santa Ingrácia”

por pubicodigital, em 28.12.12

A conclusão da revisão do Plano Director Municipal (PDM) de Caminha ainda não tem fim à vista. O Governo anunciou o fim da Reserva Ecológica Nacional (REN) e em resposta a uma deputada municipal do PSD, Júlia Paula Costa, que trazia a resposta preparada, deu conta que já tinha sido feito o "diagnóstico" e contam entregar a "Reserva Agrícola bruta" até final do ano, tal como já teriam feito em relação à REN "bruta" (espaços de exclusão), cuja documentação fora enviada em finais de Novembro. Adiantou ainda que estão a cumprir com a legislação transitória de acordo com as directrizes da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento da Região Norte, no que à REN se refere.

Segundo a Presidente da Câmara, as reuniões a propósito da REN e RAN poderão "desenvolver-se até Abril/Maio", seguindo-se uma reunião com a comissão de acompanhamento (composta por 20 entidades) a fim de serem apresentadas as "condicionantes" já referidas (REN, RAN, Zona Florestal, Rede Natura, zonas de protecção especial) "devidamente ultimadas", acrescentou.

Alertou também que terão de cingir-se ao que a legislação prevê, pelo que a expectativa de ter terminado PDM no final deste ano já se desvaneceu, não sendo expectável que se entre num período de discussão pública do PDM (com uma equipa avençada há anos para a sua elaboração) em ano de eleições autárquicas.

A revisão do PDM de Caminha desenvolve-se há cerca de dez anos, com custos apreciáveis para o município e com o desconforto da indefinição das linhas mestras do ordenamento do território, propiciando um clima de suspeição quanto às possíveis alterações e (des)favorecimento de certas zonas ou actividades.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:51


12 comentários

De caminhense a 08.03.2013 às 23:25

De Urbano a 31.12.2012 às 17:30
iluminado do Castro
Como caminhense ouço elogios ao Encarregado da Câmara que substituiu um outro encarregado que não deixou saudades...o Senhor Fiuza! E até acredito na boa vontade que aquele encarregado da Câmara ao tempo do PS quizesse fazer alguma coisa, mas não tinha meios e os funcionarios andavam com o balde às costas, ao contrário de hoje, que têm condições de trabalho. O Castro é falado aqui em Caminha como sendo um trabalhador que honra o municipio e é elogiado pelos cidadãos em geral pelas iniciativas visiveis em cada canto de Vila Praia de Ancora. Talvez o autor deste Post não conheça Vila Praia de Ancora, acredito, se assim for faça uma visita e se tiver fotos até 2001 compare a imagem daquela Vila e depois faça justiça. Os trabalhadores do municipio afectos a Vila Praia de Ancora merecem esse reconhecimento,

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Dezembro 2012

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031



Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D