Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A Casa Ventura Terra merece melhor sorte

por pubicodigital, em 01.07.13

A Câmara Municipal de Caminha, depois de se ter revelado incapaz, durante onze anos, de preservar e valorizar a Casa Ventura Terra, em Seixas, freguesia natal do grande arquiteto português, imóvel por si adquirido em 2002, deseja agora, a três meses de eleições, entregar esse património municipal, em regime de comodato, por um período de 30 anos, a uma associação de direito privado fundada há apenas um ano — "Associação Ventura Terra", com sede em Barcelos — da qual não se conhece qualquer actividade realizada ou currículo dos seus responsáveis.

O Bloco de Esquerda de Caminha procurou sensibilizar a Assembleia Municipal realizada em 28 de junho para a irresponsabilidade da viabilização desse protocolo mas encontrou todo o tipo de dificuldades, a começar pela falta de acesso a uma informação fundamental: o “Programa Estratégico de Reabilitação da Casa Ventura Terra” realizado em 2010 por uma arquitecta com créditos firmados no estudo da obra e vida de Miguel Ventura Terra (1866-1919), técnica superior da própria Câmara Municipal de Caminha. É absolutamente inexplicável o facto desse documento, citado no articulado do protocolo como seu fundamento e caução, não ter sido apresentado aos deputados municipais, mesmo depois de ter sido pedida oficialmente, com a antecedência devida, a sua consulta.

 

Com a inaceitável falta de transparência deste processo, exige-se que a Câmara Municipal de Caminha divulgue rapidamente o “Programa Estratégico de Reabilitação da Casa Ventura Terra” e o coloque em discussão pública na freguesia de Seixas e em todo o concelho, de modo a perceber-se da sua compatibilidade com o disposto no protocolo com a "Associação Ventura Terra" que, entre outras disposições, entrega a esta associação a tarefa de elaborar o “projeto de requalificação de arquitetura” — que poderia ser realizado pelos quadros da Câmara, entregue a um arquiteto de reconhecido mérito ligado ao concelho ou até à Ordem dos Arquitetos —, sendo que depois já não a responsabiliza pelo seu financiamento mas a autoriza “a ceder a terceiros a exploração de espaços”, bastando-lhe a autorização da edilidade.

 

 Em defesa da causa pública, dos melhores interesses dos munícipes de Caminha e de toda a comunidade cultural portuguesa, é pois indispensável que, antes de assinar qualquer protocolo comprometedor, a Câmara Municipal de Caminha, disponibilize toda a informação sobre este processo. A Casa Ventura Terra merece melhor sorte.

 

 Núcleo Concelhio de Caminha do Bloco de Esquerda

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:27


16 comentários

De Jacinto Paixao a 27.09.2013 às 15:58

E o Benfica? Onde para o JJ no meio disto tudo?

De Anónimo a 14.07.2013 às 00:09

Só não percebo como a Câmara Municipal de Caminha não faz um acordo deste género à Associação Humanitária do Bombeiros Voluntários de Âncora para reabilitar o Cine teatro?

O que será que a Câmara Municipal de Caminha tem contra os Bombeiros de Âncora?

Com esta nova direcção (bombeiros) comprada pelo Sr. João Silva vão conseguir reabilitar o cine teatro? Eu, pessoalmente não acredito…… Se não estou em erro o candidato à Câmara de Caminha Flamiano, já foi director dos bombeiros e nada fez pelo cine teatro.

Só não percebo, como alguém que já fez tão mal aos bombeiros Âncora, neste caso a Câmara de Caminha, teve a coragem de colocar uma direcção PSD. Os sócios, os bombeiros, ex- bombeiros e a população de Vila Praia de Âncora deverão exigir IMEDIATAMENTE a reabilitação do cine-teatro com protocolo com a Câmara de Caminha.

Quero ver os elementos comprados pelo PSD quando a Câmara não ligar puto aos bombeiros o que vão dizer, possivelmente vão entregar o fardamento, desculpem a direcção não tem fardamento para entregar ao comando. Esta confusão é por ver tantos bombeiros e ex-bombeiros nos quadros directivos.

Juridicamente e nos estatutos podem haver bombeiros no ativo como elementos directivos????????

De Joao Sousa a 17.07.2013 às 03:01

Não querem um boneco insuflável, nunca estão contentes com nada. Cuidem das vossas associações e ponham a correr todos aqueles que só querem proveito próprio..

De Nuno Amaral a 08.07.2013 às 10:04

A Associação Ventura Terra (AVT) esteve presente na Assembleia Municipal de Caminha, através da pessoa de Alda Terra (presidente) e Nuno Amaral (tesoureiro). A presença destes dois elementos da direcção destinava-se a esclarecer os deputados e restantes membros sobre a origem, história, objectivos e metas da AVT.
Muitos foram aqueles que se dirigiram a nós, após a assembleia, tentando esclarecer algumas dúvidas inerentes ao facto de ser uma associação formada em 2012 e estar provisoriamente sediada em Barcelos.
Para aqueles que não puderam ou não estiveram presentes aproveitamos para os convidar a visitar o nosso site: www.venturaterra.com
Estaremos sempre disponíveis por e-mail ou contacto telefónico para esclarecimento de quaisquer duvidas.

Cumprimentos
AVT

De Beiramar a 11.07.2013 às 14:13

Existem no concelho de Caminha ENE edifícios em degradação acentuada e dignos de todo o empenho da Câmara para a sua recuperação !!! A titulo de exemplo cito apenas dois com incalculável interesse cultural para o CONCELHO DE CAMINHA : A escola de Vilarinho ,em Ancora, apontada pela Câmara como sede da AMFF ( Grande promessa eleitoral da Julia Paula !!!) e o Cine Teatro dos Bombeiros V.V.P Ancora !!!! Desafio o Sr. . Nuno Amaral a tratar destes dois "casos " ! Já agora , se me permitem , gostaria de perguntar aos elementos da AVT quem são , donde vêm e para onde querem ir ! São Caminhenses ou oportunistas largados de pára-quedas ?? Apresentem-se sff ! Digam-nos como chegaram aqui ,desde Barcelos . Vieram á boleia ou conhecem-nos via internet ! Qual é o vosso projecto ? Tem verbas ou vão "chupar " a Câmara até á medula ? Estão inscritos no Centro de Emprego ? Procuram currículo para entrar nos quadros da Câmara ? Quanto ao vosso site ,que eu consultei ,acho que é tudo nevoeiro e parece-me ter sido criado á pressa para acompanhar vossa visita á AM ! Aguardo resposta acompanhada do respectivos currículos ...e trajecto de vida ...

De informatico a 13.07.2013 às 02:23

Site criado a 4/7/2013

De tininho a 08.07.2013 às 00:37

Oh Caminhenses acordem!!!!
Vocês acham que esta associação de barcelos é desconhecida?
A julia Paula sabe muito bem que o Flamiano vai perder a Câmara e os de Barcelos vão todos com o saco porque eles se deixarem de ter as alcavalas que tem só com o ordenado não veem para Caminha ( Não ganham para as viagens) assim já lhes fica alguma coisinha nem que mais não seja para virem passar férias.
Porque é que acham que a Julia Paula se vai candidatar À Assembleia Municipal?
Ainda na esperança de poder camuflar as vigariçes que tem feito como acha que tem poucas feitas esta é mais uma e o Flamiano continua a a servir-lhe de guarda costas ou antes guarda vigarices porque ele sabe muito bem o que se passa´e quem faz parte da associação..
È deste TRABALHO desta SERIEDADE e desta COMPETENCIA que ele fala nos cartazes.
ponham-se a pau porque ela daqui até se ir embora ainda vai fazer muita mer.............

De Anónimo a 04.07.2013 às 23:58

Resposta ao Vilarmourense:

Concordo consigo quando diz que o post não é relacionado com portinho de Âncora, mas neste momento todas as oportunidades são boas para colocar os problemas mais mediáticos do concelho.

Vilar de Mouras, está como está, devido às pessoas como o Vilarmourense que nunca usa o meios para atingir os fins. Isto quer dizer que perderam o Festival de Vilar de Mouros, tem o rio coura uma lástima, tem antigo espaço do concerto um caos, a aldeia na desgraça e etc, porque as pessoas da aldeia não aproveitam todos os espaços para denunciar uma política desastrosa para aldeia.

Eu aproveitei uma brecha para denunciar o que se passa no potinho de Âncora, nunca imaginando que iria magoar susceptibilidades de outras pessoas. Infelizmente é a burrice das pessoas a falar mais alto.

Eu uso todas as estratégias para defender a minha terra e está é uma delas.

De Leila a 04.07.2013 às 13:42

A associação não é de Barcelos?
Então não perceberam? Fica com o património que nós pagamos. Não haverá lá ninguém da família do Domingos Lopes?

De Águia a 04.07.2013 às 13:40

Chutaram para canto, que o mesmo é dizer varreram para debaixo do tapete.
São uns incapazes e, por muito que queiram dizer o contrário, a CÂMARA ESTÁ FALIDA.
já alguém se lembrou de perguntar como vai a dívida de mais de 5 milhões da água?
POR PAGAR.
O acordo não foi assinado, apesar da propaganda. E desde aí não houve mais nenhum. FICA TUDO ADIADO.
ESTA ESCUMALHA JÁ DEVIA ESTAR NA CADEIA.

De Anónimo a 02.07.2013 às 22:08

Realmente é verdade, tantos ilustres de Vila Praia de Âncora "espertos" e não viram aquela aberração da natureza o arranjo da ribeirinha de Vila Praia de Âncora.

Como é que a Junta de Freguesia de Vila Praia de Âncora o Marques deixou acontecer isto?

Como a Câmara Municipal de Caminha Drª Júlia Paula que conquistou os votos dos pescadores deixou acontecer isto?

Como o Vice Presidente da Câmara Municipal de Caminha e candidato à Câmara Prof. Flamiano deixou acontecer isto?

Como as vozes dos intelectuais, críticos e inconformáveis de Vila Praia de Âncora deixou acontecer isto?

Vila Praia de Âncora merece isso e muito mais, com muita dor e pena minha, as pessoas em cima referidas nada fizeram para evitar esta calamidade urbanística e a possível destruição da pesca artesanal.


De Anónimo a 02.07.2013 às 14:17

Segundo o Caminha 2000 a Assembleia de Freguesia de Vila Praia de Âncora vai enviar documento às entidade, devidos a todos constrangimentos provocados pela obra mal executada.

E a Assembleia Municipal Caminha não tem obrigação e o dever moral de o fazer???

Para a vergonha dos deputados municipais tem que ser os próprios pescadores ir a uma assembleia municipal e por o problema? será que nenhum deputado já se apercebeu do que se está a passar!!!

Meus senhores está na hora de dar um murro na mesa e por as cartas sobre a mesa, TENHAM CORAGEM vamos lutar pelo asfixiamento do poder central em relação ao concelho de Caminha, chega. Tomem medidas a assembleia municipal é órgão máximo do concelho todos juntos temos poder.

De Zorro a 02.07.2013 às 13:34

Quando foi comprada todos apoiaram a Câmara, mas a partir do momento em que Júlia Paula disse que ali havia de ser a residencia oficial da Câmara de Caminha, percebeu-se que ela não fazia a menor ideia do que havia de fazer ao imovel. A prova está no facto de não mais ter mexido no assunto e agora quer dar de mão beijada a uma associação desconhecida e de fora do Concelho.

Comentar post


Pág. 1/2



Mais sobre mim

foto do autor


calendário

Julho 2013

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031



Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D