Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A concelhia do Partido Socialista de Caminha reuniu na noite da passada 2ª feira e segundo uma fonte a que recorremos os ânimos estiveram algo exaltados.

A discussão teve origem num comunicado da Secção do PS de Vila Praia de Âncora divulgado em primeira mão pelo Minho Digital e que posteriormente foi distribuído pela comunicação social. Miguel Alves, o presidente da Câmara Municipal mas também coordenador daquele Partido em Caminha, quando questionado por nós a comentar, mostrou-se «surpreendido».

Pedro Ribeiro, o subscritor desse documento interno, já não esteve presente à reunião prontamente convocada por ter pedido a demissão do cargo mas, ao que apurámos, continua a ter o apoio dos seus camaradas do vale de Âncora. 

Recordamos que o referido comunicado salientava o descontentamento por uma proposta, efectuada na Assembleia de Freguesia no sentido deste órgão autárquico aderir à 'Liga dos Futuros Concelhos', ter sido rejeitada. Eram feitas críticas também aos sociais-democratas por terem uma posição relacionada com a elevação de Vila Praia de Âncora «algo contraditória»  por, segundo se lê no documento, «ser conforme as conveniências subordinadas aos interesses partidários, umas vezes a favor, outras vezes contra».

A proposta da adesão de Vila Praia de Âncora à Liga dos Futuros Concelhos foi feita pelo PS, mas rejeitada o referido plenário e que levou  os socialistas  a acusar  o PSD de «ofender a memória de todos os Ancorenses que, ao longo dos tempos, lutaram democraticamente pela criação de uma nova unidade administrativa concelhia no Vale do Âncora».

O PSD de imediato reagiu afirmando que «o caos instala-se no próprio partido, que vota desfavoravelmente uma proposta/questão  levantada pelos elementos do PS na Assembleia de Freguesia e depois acusa a Junta de Freguesia de o ter feito».

Pedro Ribeiro, o presidente da Secção socialista de Vila Praia de Âncora é que não teria apreciado a reacção dos seus camaradas caminhenses e antes da reunião convocada para o efeito na sede concelhia do PS pediu a demissão. Contactado pelo MD, Pedro Ribeiro reagiu às vozes discordantes internas e reafirmou «continuar a defender o teor do comunicado por si assinado», acrescentando que pediu a demissão por alegadas «razões pessoais», recusando-se a dar mais explicações «porque não quer alimentar a controvérsia até porque estamos a poucos meses de eleições internas no PS».

 

Texto do minhodigital.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:48


Tesoureiros instáveis

por pubicodigital, em 16.11.15

Parece que as funções de tesoureiro nas associações da vila vêm-se tornando demasiado exigentes.

Após a demissão do tesoureiro do Sporting Club Caminhense pouco tempo depois da sua eleição há um ano atrás, surge agora outro director com as mesmas funções mas na direcção da Casa de Repouso do Bom Jesus dos Mareantes.

Secundino Monteiro reuniu ontem (Sexta-feira) à tarde com os trabalhadores e utentes do lar e comunicou-lhes a sua decisão de deixar o cargo.

Não quis comentar as razões do abandono, pouco tempo depois da aprovação dos novos estatutos da Irmandade, e numa altura em que há sete funcionárias com baixa médica.

Foi impossível obter um comentário de António Silva, presidente da direcção da Casa de Repouso.

 

Texto do caminha2000

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:45

Professor tentou extorquir 50 mil euros a diretor de escola em Ponte de Lima

A GNR de Viana do Castelo deve um professor de uma escola profissional em Ponte de Lima suspeito de tentar extorquir 50 mil euros ao diretor do mesmo estabelecimento de ensino.

A detenção ocorreu na terça-feira, cerca das 13.45 horas. Segundo fonte da GNR, o docente, que exercia também as funções de diretor pedagógico na escola, enviou um e-mail de uma conta de correio eletrónico fictícia ameaçando "assassinar um familiar" do visado caso este não lhe entregasse o dinheiro.

O suspeito acabou por ser detido quando foi buscar a referida quantia a uma sala de aula, o local previamente combinado para entrega.

O diretor geral da escola tinha denunciado a situação de que estava a ser vítima em finais de outubro. O seu colega, professor e diretor pedagógico, tem 31 anos e é natural de Ponte de Lima. Após a sua detenção, a GNR efetuou buscas no local de trabalho do suspeito, na sua residência e no seu veículo, tendo as mesmas resultado na apreensão de dois computadores portáteis, um computador de secretária e um telemóvel.

O detido será presente esta quarta-feira nos Serviços do Ministério Público do Tribunal Judicial de Caminha, pelas 14.00 horas.

 

Texto do JN

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:21


Vereadora Ana São João renuncia ao mandato

por pubicodigital, em 01.11.15

Os rumores confirmaram-se e tudo se precipitou durante esta semana. A vereadora Ana São João pediu ontem a renúncia do mandato ao presidente da Assembleia Municipal de Caminha.

Contactamos a edil que possuía pelouros importantes como o ensino e acção social, a fim de confirmarmos a sua saída do elenco camarário e saber as razões que a levaram a abandonar o cargo para o qual fora eleito em terceiro lugar na lista do PS nas eleições autárquicas de 29 de Setembro de 2013.

xtana.jpg

Ana São João alegou "motivos pessoais e outros" para deixar este cargo político a meio do mandato, e mais não quis comentar.

Refira-se que na reunião camarária desta semana, a vereadora não compareceu, quando os eleitos tinham na ordem do dia documentos tão importantes para apreciação, como o Orçamento e Plano de Actividades para 2016.

Curiosamente (ou não), a oposição social-democrata focou uma das suas críticas ao Orçamento, na descida acentuada das verbas destinadas ao apoio às famílias, que passaram de 216 mil euros em 2015, para 86 mil em 2016, e no aumento das rendas sociais em mil por cento, enquanto que se mantinham praticamente inalteradas as rubricas para a cultura e desporto. Ainda no período prévio da reunião, Flamiano Martins perguntou para quando a convocação do Conselho Municipal da Educação, quando já o tinham feito em sessão anterior. Miguel Alves respondeu que não sabia e não poderia responder porque a vereadora não estava presente.

 

caminha2000

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:29


Mais sobre mim

foto do autor


calendário

Novembro 2015

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930



Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D